Teve início no último dia 06, o recadastramento dos Estudantes que utilizam o serviço de transporte público de ônibus em Piracicaba.

Para ter direito ao benefício, o Usuário/Estudante deve estar regularmente matriculado em Instituição de Ensino e cursando o ensino fundamental ou ensino médio (seja da rede pública de ensino e instituição particular),  credenciado pelo MEC (Ministério da Educação), conforme previsto no Decreto municipal nº 5.997 de 18 de janeiro de 1993.Também poderão ter direito ao benefício os Estudantes de cursos de línguas (inglês, espanhol, etc.), desde regularmente matriculados na respectiva instituição de ensino.

Portanto à partir de 2020, NÃO terão mais direito ao benefício, os alunos de instituição de ensino cujo curso NÃO seja credenciado pelo MEC, conforme Decreto municipal nº 5.997 de 18 de janeiro de 1993.

A Via Ágil esclarece também que à partir de 2020, o estudante terá um cartão exclusivo para os créditos estudantis, com um novo layout que irá facilitar a identificação do beneficiário.

O uso do cartão é pessoal e intransferível e em caso de uso indevido, o mesmo será bloqueado automaticamente conforme previsão legal.

A empresa ressalta que na cidade de Piracicaba, mais de 15 mil estudantes possuem o benefício e haverá necessidade de comparecimento pessoal na loja da Via Ágil, localizada na Praça do Terminal Central.

A Loja fica aberta de segunda a sexta-feira das 08h às 17h e aos sábados das 08h às 12h. Outras informações podem ser obtidas pelo 0800- 770-3553.

Para se recadastrar é necessário preencher os seguintes requisitos e apresentar os seguintes documentos:

1 O estudante estar presente durante o cadastramento (não será admitido cadastro por terceiros);

2 Carteira de Identidade – RG e CPF (expedida pela Secretaria da Segurança Pública; original ou  cópia autenticada; ou o Protocolo do RG);

Comprovante de Residência (Exemplos: Contas de Água, luz, telefone, boleto Bancário);

– Declaração Escolar/Atestado de Matrícula do ano vigente, contendo comprovação de que o curso é reconhecido pelo MEC ou (Ministério da Educação), ou de CURSO SUPERIOR de categoria livre, ou de estudante de línguas.